INTERSTÍCIO

fb_img_1448667703766.jpg

Entre o espaço de palavras não ditas   EU  e VOCÊ…. somos a janela que ninguém olhou, o ecoar de palavras que ninguém ouviu se quer percebeu e nem se atentou, enquanto chorávamos a sós por frustrações  irremediáveis.

Eu te encontrei e tu me encontraste e tornamo-nos o interstício de tudo, uma fenda no tempo.

Cá estou EU a tatear cegamente por aquele que ja é a conclusão de mim mesma, isto porque esse mesmo tempo nos toma a vida nos toma a liberdade e nos devolve ao começo de cada novo dia pra que não esqueçamos de que somos o mesmo sangue a pulsar em corpos separados até então….até então.

E em cada dia entre pessoas desconhecidas os olhos que procuro são os seus, a boca que anseio é a sua, os braços que ousarei aconchegar serão tão somente os seus.

Por essa  paixão que arrebata, saudade que nos toma e ciume que sequestra ….entre todo esse furacão insano entre ir e permanecer não viro os meus olhos em outra direção senão a sua pois és o elo mais forte que há em mim.

Você é o bater acelerado do meu coração, o grito de prazer preso na garganta, o choro acorrentado em meus lábios.

Você é o que me faz crer que sim há uma brecha no tempo que ninguém percebeu e lá estamos nós a nos amar perdidamente como se cada molécula e cada matéria minha fizesse parte de você e você parte de mim nos tornando um todo.

Não basta ter ouvido é preciso ter um coração  que ouça o meu silêncio a chamar todos os dias por você e você vêm, você sempre virá ainda que eu não saiba quando se hoje se amanha você sempre me surpreende com sua chegada.

Eu te sinto a todo momento comigo fazes parte de todo  segundo que vivo, todo meu respirar penso em você e ao acordar pela manha nos fragmentos de sonhos que a minha mente me permite reviver é a sua imagem que vejo, várias delas a me abraçar a envolver ardentemente os dedos nos caracóis dos meus cabelos e beijar-me e cuidar-me e me dizer que esta comigo sempre.

Sentimentos estão sendo cortados assim como eliminamos em nós resquícios na aparência que não queremos mais, os cabelos meu amor deixei-os partir ontem mesmo e quando me questionas o que de fato eliminei só posso responder que muitas coisas exceto  VOCÊ, permaneces eternamente em mim nesse interstício nosso.

No vão do tempo existirá sempre um lugar de nós dois onde você é só meu  e eu de ninguém mais além de você porque  você preenche todo os meus vazios és em mim a conclusão de tudo.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s